Tudo sobre pets

Sinais de Câncer em Cachorro

Conheça os sintomas dessa doença tão grave.

Artigo publicado por Maria Paula

O câncer é uma doença silenciosa e, até mesmo em humanos, ela só costuma aparecer e dar sinais quando a situação já está grave. Em cachorros é ainda pior porque eles não reclamam de dor ou expressam suas preocupações diante de sintomas “estranhos”. O máximo que você pode fazer é ficar atento aos sinais e algumas mudanças de comportamento, e pedir exames para o veterinário de confiança.

tratar câncer canino

Perceber os principais sinais de câncer requer que os donos conheçam seu cachorro muito bem, entender bem seus comportamentos e passar tempo com ele. Isso porque muitos sinais passam despercebidos, e muitos são também sinais de outras doenças. É importante estar sempre atento à saúde do seu cão e procurar um bom diagnóstico sempre que algo parecer errado. Caso contrário, quando você perceber que seu animal de estimação está com câncer, ele pode já estar morrendo.

Principais Sinais de Câncer

Os principais sintomas de câncer em cachorros são: Feridas que não cicatrizam, inchaços anormais e persistentes (ou que só crescem e não regridem com o tempo); perda de peso e de apetite; mau cheiro; dificuldade para engolir ou para comer de uma forma geral; sangramento e corrimento em qualquer abertura corporal; perda de resistência física e hesitação na hora de se exercitar; rigidez persistente ou paralisia; dificuldade de respirar, urinar e defecar.

Esses sinais podem vir todos juntos ou gradualmente, mas também podem ser sinais de outras doenças. Pode ser que seu cão não tenha câncer, mas com certeza ele precisa ir a um veterinário para saber o que está acontecendo, pois esses sintomas são sinais de um corpo que está falhando em seus processos mais básicos. Principalmente a falta de apetite e a dificuldade de comer.

sinais de câncer

Demais Sintomas

Outros sintomas de câncer que também podem aparecer e que são mais específicos são a presença de massa e a distensão abdominal. A presença de massa localizada, externa ou interna pode ser visualizada na pele do cachorro ou apalpa-lo. Massas já existentes e que eram benignas e começam a mudar de forma também pode ser sinal de que há a formação de um tumor. A distensão abdominal já é o aumento do volume do abdômen.

A alteração costuma ser visível e há desconforto por parte do cão ao inspecionar a área. Essa distensão pode estar lá porque algum órgão interno aumentou de tamanho ou criou massa que aumentou seu volume, e isso costuma ser causado por tumores. É preciso fazer uma ultrassonografia para ter certeza sobre o que causa essa distensão, mas esses sintomas são considerados mais preocupantes por serem tão característicos da presença de tumores que estão aumentando de tamanho, ou seja, cancerígenos.

Também é importante verificar os linfonodos do cachorros, glândulas do sistema linfático que é distribuído ao longo do corpo. Os mais fáceis de examinar são os atrás da mandíbula e o que fica no meio da face posterior da coxa do cachorro. Quando os linfonodos estão muito grandes, pode ser que seu cachorro tenha um tipo de tumor chamado linfoma.

Publicado por Maria Paula nas categorias: Cães




Envie seu comentário:


Comentários (6)

  1. lazaropeluzo
    24/01/2014 at 18:22

    meu cachorro apareceu uma verruga no seu focinho que pode ser sua raça é pinther

  2. rosemary
    22/01/2014 at 09:39

    pelo amor de deus preciso de ajuda estou desesperada pois meu cachorro esta muito doente quase morrendo e minhas filhas me ligaram deseperada pois estou em sao paulo e elas no piaui com meu cachorro um akita e la nao tem veterinarios por favooooor me ajudeeeee

  3. vitor pinto
    15/01/2014 at 23:21

    a minha cadela foi operada a uma pata a 3 anos ,com o passar do tempo vai tendo dificulade em andar normal,vai andando mas as vezes manca,diserram para dar comprimidos de calcio,devo dar?
    obrigado
    att
    vitor pinto

  4. priscila
    10/01/2014 at 23:18

    Perdi recentemente uma cadela com baixa resistencia devido a quatro sessoes de quimioterapia,agora as outras tres que tenho estao na mesma situaçao estou muito angustiada e estou tratando delas em casa com auxilio de um veterinario pois nao tenho condiçoes de trata-las na clinica a mais velha recolhi no lixao da cidade entao nao sei a idade ela pesa 13 kg a de 2 anos pesa 7 e a pincher 2 qual dose devo dar de vincritina para cada uma e como melhorar as condiçoes de vida delas estou dando metacell,mercepton,vitagold,limpando o local com agua oxigenada vol 10 e espirrando bactrovet alem de alimenta-las com figado e beterraba ralada nao quero perde-las por favor me ajude aguardo ansiosa por uma ajuda ou palavra de apoio em breve receberei um filhote como fazer para que ele nao se contamine obrigada Deus te abençoe e de em dobro o amor e tempo dedicados aosnossos amigos animais

  5. Silvia
    08/10/2013 at 22:24

    Olá, eu tenho uma Chihuahua de 14 anos e a 10 dias ela esta com um mal cheiros constante, acompanhado de cio com um mínimo sangramento.Percebi que as glândulas perianais estão aumentadas.O que pode estar causando o mau cheiro?

    • lilian
      20/01/2014 at 15:04

      por favor pelo amor de DEUS ME AJUDEM MINHA CADELA ESTAR MUITO MAL EU TENHO CONDIÇÕES DE PAGAR UM VETERINARIO ELA ESTAR COM A BARRIGA MUITO INXADA MAGRA SEM APETITE E SAINDO UMA SEGREÇÃO MAL CHEIROSA IGUAL UM PUS O QUE PODE SER?