Tudo sobre pets

Raças de Peixes que Podem Conviver Juntas num Aquário

Aprenda como montar um aquário com os peixes certos.

Artigo publicado por Maria Paula

Nem todos os peixes vão viver confortavelmente juntos. Grandes, os peixes predadores acabarão por comer seus companheiros do tanque menor e os peixes de natação lenta ficarão estressados na companhia de espécies em movimento turbulento e rápido.

Muitas espécies de peixes são territoriais e são ameaçados por outros tipos de peixe aos quais se assemelham, pois peixes semelhantes normalmente exigem alimentos similares e locais de nidificação. As espécies de peixes sociais não são territoriais e é a partir desses tipos que os aquaristas normalmente escolhem seus espécimes para um aquário comunitário.

peixes no aquário

Tamanho

Peixes do mesmo tamanho são melhor alojados juntos. As espécies de peixes predadores frequentemente atacam os tipos de peixes menores, o que não é possível quando cada espécime no aquário é do mesmo tamanho. Grandes predadores de tamanho similar aceitarão prontamente comida fresca ou congelada, na ausência de presa viva.

As diferentes espécies de bagres crescem em vários tamanhos e as grandes espécies de plecostomus são adequados como companheiros de tanque para todos os grandes predadores de água doce. Aquários contendo peixes pequenos e médios fazem uma exposição interessante, assim como muitos peixes individuais de uma mesma faixa de tamanho podem ser instalados em um tanque médio.

Dieta

Espécies vegetarianas tendem a não interferir uns com os outros e podem ser bons companheiros de aquário. Muitos destes tipos de peixe (vegetarianos) irão se espalhar ao redor do aquário, pois eles se alimentam das algas que surgem no vidro, em troncos e, até mesmo, na decoração. As espécies não-territoriais podem ser alimentadas com um alimento de alta qualidade vendidas em pet shops e veterinárias especialmente para peixes, o que torna as refeições simples e rápidas.

Comportamento

Peixes não-territoriais são fáceis de manter juntos, pois estas espécies são confortáveis ​​na companhia de sua própria espécie e na presença de outros tipos de peixe. As espécies não-territoriais, como os mollies, platys e guppies convivem muito bem juntas. Por outro lado, os peixes territoriais devem ser alojados em um grande aquário e ser oferecido muitos esconderijos e retiros privados.

A constante mistura de água e espécies que vivem no fundo removem o elemento da concorrência e permitem que o aquarista possa abrigar uma grande variedade de peixes. Os peixes que são diferentes fisicamente são mais compatíveis do que aqueles que apresentam formas e cores semelhantes, pois podem apresentar uma competição uns com os outros.

aquário

Parâmetros da água

Os peixes com os requisitos químicos de água semelhantes são melhores alojados juntos. Os peixes marinhos necessitam de água do mar, enquanto que o peixe tropical que são encontrados em rios e lagos, devem ser alojados em água doce. Espécies de peixes, como os ciclídeos sul-americanos e tetras, necessitam de água suave, com um pH inferior a 0,7, enquanto os tipos de peixes de habitats de água dura, como os ciclídeos africanos, precisam ser mantidos em água com um pH acima de 0,7. Tipos de peixes tropicais necessitam de água quente, na casa de 25 graus centígrados, enquanto as espécies de água fria, como o peixinho e os cometas preferem temperaturas de água abaixo de 24 graus centígrados.

Publicado por Maria Paula nas categorias: Outros Pets




Envie seu comentário:


Comentários (1)

  1. ElanIa de Lima
    04/07/2015 at 00:30

    Boa noite. Ganhei um aquário de 81 cm de comprimento 30 de largura e 42 de profundidade, guandos peixe posso por dentro dele e o tamanho. Grata