Tudo sobre pets

Sagrado da Birmânia

O gato sagrado da Birmânia é considerado misterioso, seu corpo e face são fofos, lembrando um pouco gatos como o persa.

Área de origem: Birmânia

Cor:
dourado com chocolate e cinza com branco [sempre de patas brancas]

Pelagem:
longa

Nível de Barulho:
apegado ao dono e muito dócil

Personalidade: gato de luvas brancas

  • Atividade
    3
  • Gosto por Brincadeiras
    4
  • Necessidade de Antenção
    4
  • Afeição
    4
  • Amizade com Outros Animais
    3
  • Docilidade
    6
  • Independência
    2
  • Inteligência
    4
  • Bom para Crianças
    4
  • Cuidados com a Higiene do Gato
    3

Origem

A origem do Gato sagrado da Birmânia envolve algumas lendas asiáticas. Acredita-se que ele seja descendente de gatos que eram venerados nos templos Budistas, tratados como deuses, no século XV na chamada Birmânia, atual Myanmar, um país dividido por países como a China, Índia e Tailândia. Os sacerdotes budistas tinham a crença de que as pessoas que faleciam retornavam á Terra reencarnadas nesses gatos. O gato Sagrado da Birmânia como é conhecido hoje surgiu por volta de 1930, quando um exemplar de nome “Wong Mau”, foi levado para os Estados Unidos e cruzado com um gato Siamês. Foram reconhecidos em 1936 quando já existiam em um número suficientemente puro, e foram reconhecidos na França apenas em 1952.

Caracteristicas

Dentre as características físicas do Gato sagrado da Birmânia, pode se começar por sua cabeça de formato redondo e relativamente grande, seu nariz não achatado, porém curto, seus olhos de coloração azul e redondos. Nas características do Gato sagrado da Birmânia quanto à pelagem, destaca-se seu comprimento mediano quase longo, de textura sedosa. Podem ter até 17 colorações diferentes, sendo a maioria colorpoint, que significa um corpo branco com locais como nariz e patas coloridos. O sagrado da Birmânia tem uma característica peculiar, patas brancas, que fazem com que ele leve o nome de “gato de luvas”.

Temperamento

O temperamento do Gato sagrado da Birmânia pode ser descrito como sensível, meigo e alegre. São considerados inteligentes, e muito apegados a seus donos, se passam muito tempo sozinhos podem desenvolver depressão. É considerado sociável, e nem um pouco ciumento. Apenas com estranhos pode as vezes se mostrar agressivo.

Doenças

Por serem gatos de raça, fica mais fácil observar doenças para as quais estejam mais predispostos, assim como as hereditárias. As principais doenças do gato da Birmânia são cardiomiopatia hipertrófica e calculo renal. A cardiomiopatia hipertrófica é uma doença que leva à insuficiência cardíaca e é de origem hereditária. O cálculo renal tem como principal fonte a própria alimentação do felino. O sagrado da Birmânia costuma ser um animal forte, que dificilmente aparece doente. Muitos dos sinais clínicos destas e outras doenças podem ser percebidos em um primeiro momento pelos próprios donos, mudanças no comportamento do felino podem ser o inicio de alguma doença. Os tratamentos preventivos envolvem a visita periódica médica, vacinação em dia e atenção ao animal por parte dos donos. Todos os diagnósticos, principalmente da cardiomiopatia, quando feitos cedo podem ajudar numa cura mais rápida.

Preço

O preço do Gato sagrado da Birmânia assim como de outros gatos de raça e podem variar bastante para cada exemplar. O pedigree, linhagem, sexo, histórico familiar de doenças são levados em consideração para definir o valor. Os preços dos filhotes do gato sagrado da Birmânia podem ser de R$ 350,00 a R$ 1,5 mil em canils e pet shops.

Cuidados Especiais

Os cuidados especiais do Gato sagrado da Birmânia envolvem atenção a seus pelos e a sua alimentação. Este é um gato que possui pelos médios, sedosos e com algum volume, inclusive tem subpelo. Por isso necessitam de escovação semanal para que não embaracem, ou formem a chamada bola de pelo. Para isso, os donos podem utilizar uma escova de cerdas macias. Outro cuidado é com a higiene, os banhos podem ser quinzenais ou mensais, quando são acostumados desde filhotes, os banhos se tornam uma prática fácil. A alimentação deve ser balanceada, permitindo que cresçam e vivam saudavelmente, além de evitar doenças como cálculos urinários. A boa alimentação também afeta a pelagem, que se torna mais bonita.

Fotos

gato sagrado brincando
gato sagrado brincando gato sagrado fofo sagrado filhotes sagrado da birmânia filhote gato sagrado gato sagrado da birmânia gato sagrado adulto

Vídeo



Saldão