Tudo sobre pets

Gaiola para Calopsita

Conheça os tipos de gaiolas apropriadas para esses animais.

Artigo publicado por Maria Paula

A calopsita mansa é uma ave muito bonita e dócil que pode ser domesticada no Brasil e é muito admirada pelos amantes das aves. Elas precisam de alguns cuidados básicos e acessórios importantes, mas são, no final das contas, animais de estimação muito queridos, que vivem até vinte e cinco anos e são muito brincalhonas e companheiras.

As calopsitas podem ser criadas soltas, mas o dono deve ter muito cuidado com ela e com seu espaço próprio. A maioria prefere cria-las em gaiolas para garantir sua segurança, e segurá-la e deixa-la passear fora da gaiola de vez em quando. Mas, como a gaiola será a casa da calopsita pela maior parte do tempo, é importante ter alguns cuidados básicos com ela. Confira tudo o que você deve saber para ter e manter uma boa gaiola para a calopsita.

calopsita na gaiola

Comprando a Gaiola

A gaiola da calopsita não pode ser muito grande ou muito pequena. As gaiolas maiores têm grades com espaçamento grande e elas podem acabar se machucando, e as pequenas não a deixam abrir as asas com tranquilidade e se movimentarem bem. O ideal é que a gaiola tenha duas vezes a largura da calopsita de asas abertas, podendo ser um pouco maior se você tiver duas calopsitas.

A grade no chão traz alguns problemas, pois se o espaçamento for muito grande, a calopsita pode enfiar a perna nos espaços e se machucar. Mas, sem grade ela também vai entrar em contato com as próprias fezes quando for se exercitar e caminhas no chão. Compre a gaiola com grade no chão somente se o espaçamento for pequeno, pois não vale a pena correr o risco da ave se machucar.

Uma boa gaiola específica para calopsitas, com espaço para comedouro e bebedouro, que são as ideais, custam de cem a duzentos e cinquenta reais, dependendo do seu tamanho. Mas, há opções luxuosas e mais bonitas, que chegam a quase novecentos reais. Uma boa gaiola de cento e cinquenta a duzentos reais, com vários poleiros, saída laterais e espaço para ela se exercitar, vale a pena para o conforto e segurança da sua calopsita.

Cuidados

A gaiola da sua ave deve ser limpa todos os dias para que as fezes não se acumule muito. Aproveite para depois pega-la e brincar com ela. As calopsitas também precisam de brinquedos para se distraírem e se exercitarem enquanto estiverem presas, e esses brinquedos ficam espalhados pela gaiola, então, aproveite para conferir se eles estão limpos também.

calopsita

Mantenha a gaiola em um espaço livre da exposição direta ao sol, frio e calor intenso. Procure um local iluminado, mas não exageradamente e sem que os raios de sol batam diretamente na ave.

Deixe o bebedouro e comedouro da sua ave no chão da gaiola, a não ser que ela tenha um espaço próprio para isso ou já venha com as vasilhas de fábrica (essas gaiolas valem muito à pena). Troque a água das aves todos os dias e não deixe a comida dela ficar velha no fundo do comedouro, jogue fora a comida velha quando for colocar uma nova porção, ou deixe a comida velha em cima da nova, para que ela a coma primeiro.

Publicado por Maria Paula nas categorias: Outros Pets




Envie seu comentário: