Tudo sobre pets

Florais para Cães

Os florais estão cada vez mais sendo usados por pets no Brasil, conheça as vantagens desse tipo de tratamento

Artigo publicado por Maria Paula

Como todos sabem, remédios para gente não devem ser utilizados em animais, porém existe uma exceção quando se trata de florais para cães, que não são exatamente remédios, é mais uma alternativa que deve ser optada ao mesmo tempo que um tratamento médico, quando necessário.

comando fica

De que é feito

É um preparado natural à base de flores e álcool como conservante, formando assim uma mistura hidro alcóolica diluída, por isso não tem princípios ativos, que não resulta em nenhum efeito fisiológico, biológico ou orgânico.

Para que serve

Os florais, também conhecido como floral de Bach, por ter sido criado pelo Dr. Edward Bach, servem como um meio de equilibrar as emoções, e assim como todos nós, os cães, também sofrem de emoções variadas.

A utilização de flores em tratamentos, é uma prática muito antiga, porém só teve seu desenvolvimento, após o trabalho de Bach, que foi quando surgiu a essência floral conservada, comercializada até os dias de hoje. Os que são utilizados em tratamentos para cachorros, são os mesmos utilizados por humanos, e com as mesmas finalidades. Os florais no Brasil, não são considerados como drogas e nem como medicamentos, pois eles não são para curar o físico, mais se propõe a curar o emocional.

Para os cães, o uso desse tratamento, pode ser um aliado contra a ansiedade, hiperatividade e até mesmo a depressão. Por serem muito ligados ao seu dono, eles captam e muitas vezes podem sofrer as suas mesmas emoções. E já em outros casos, existem tipos de raças que possuem uma certa predisposição a apresentarem comportamentos hiperativos, e nesses casos, os florais ajudam muito, além de ajudar a melhorar a concentração e diminuir a agitação.

No meio desse tratamento, o dono também pode estar participando junto com o cão, para melhorar sua paciência, para que consequentemente possa cuidar melhor de seu amiguinho.

Como utilizar

cachorro adestrado

A dosagem para os cães, não é a mesma que a utilizada para os humanos, no cão, o conservante, ou seja, o meio alcoólico, não pode ultrapassar 10%, e será aplicada a mesma quantidade que é aplicada em nós, sendo a dosagem equivalente a uma gota a cada uso, que deve ser quatro vezes ao dia.

Caso haja dificuldades para ser administrado via oral, o ideal é que se coloque de oito a dez gotas na água do cão, duas vezes no dia. Este tratamento, não poderá substituir a medicação apropriada para o problema físico do seu cão, isso é importante lembrar.

Muitos donos usam o floral em seus cães, antes de uma viagem, ou antes de leva-lo ao veterinário, ou até mesmo quando ele estiver latindo muito, mudando de casa ou depois de ter perdido um amigo, seja animal ou um humano, pois ajuda no controle da ansiedade.

Para os cães, os florais possuem formulação diferente, que depende da necessidade de cada cão, que o veterinário ou terapeuta indicará, partindo do temperamento do animal, quais as essências, e de que será composto o floral, que poderá conter até seis essências.

Publicado por Maria Paula nas categorias: Cães




Envie seu comentário: