Tudo sobre pets

Demodicose Felina

Seu Gato Está Se Coçando?

Artigo publicado por Maria Paula

A demodicose é uma doença parasitária que acomete muito mais os cães do que os gatos, os sintomas, causa, prevenção e tratamento são muito parecidos com a demodicose canina, porém apesar do ácaro ser do mesmo gênero Demodex, a sarna demodécica canina é causada pelo Demodex Canis e a sarna demodécica felina é causada pelo Demodex cati ou Demodex gatoi.

demodicose felina

 

A sarna causada pelo Demodex cati não é contagiosa, é ocorre em gatos que estão imunodeprimidos, geralmente com doenças virais como FIV e FELV, e hiperadrenocorticismo e com essa queda da imunidade o ácaro se prolifera e causa coceira e consequentemente feridas geralmente na região das orelhas, também ocorrem otites ceruminosas e dermatite facial, a forma generalizada desta sarna é rara e afeta a cabeça, e o dorso.

Já o Demodex gatoi é muito contagioso e tem diagnóstico mais difícil, nem o raspado de pele consegue identificar às vezes, causa bastante coceira e geralmente o ocorre uma perda de pelo simétrica no corpo do felino. As lesões da doença geralmente são em volta dos olhos,cabeça, pescoço e pálpebras, causam muito prurido e crostas. Essa doença pode afetar qualquer gato, mas os gatos da raça siamês e Birmaneses apresentam uma predisposição à doença, os sintomas da demodicose podem ser confundidos com alergias alimentares, alergias por picada de pulgas, entre outros.

Diagnóstico da Demodicose Felina

Para diagnosticar todos esses tipos de ácaro, faz-se alguns exames como o tricograma, onde é feito a retirada do pelo da raiz para observação no microscópio e diagnóstico da sarna, é um exame simples e barato, e é feito desta maneira pois o ácaro Demodex vive no folículo piloso da onde nasce o pelo, e o ácaro se alimenta; também há o raspado cutâneo que consiste em raspar a pele do gato até sangrar, em seguida o material é colocado em uma lâmina para ser observado no microscópio.

Por causa dessa doença parasitária também ocorre pododemodicose que não é tão severa quanto a pododemodicose canina, ocorre prurido, eritrema e descamações crostosas.

Tratamento da Demodicose Felina

demodicose em gato

Tratamento é eficaz e tem uma boa reposta do organismo do animal, a sarna demodécica localizada pode ser tratada através do uso diário de pomada de rotenona, e banhos com cal sodada, porém o animal também pode ser banhado com amitraz. Já a demodicose felina generalizada também deve ser tratada com banhos de amitraz só que em doses diferentes, que deve ser aplicado semanalmente, porém apresenta alguns efeitos colaterias como salivação, leve sedação e quietude. O prognóstico é muito bom e já apresenta grandes resultados, depois de três aplicações de solução de enxofre sodado.

Como essa doença não possui métodos profiláticos, é muito importante perceber se seu gato possui algum tipo de lesão, vermelhidão, coceira e feridas, e leva-lo ao médico veterinário para diagnosticar com precisão através de exames rápidos, baratos e eficazes qual é o ácaro que está lesionando o seu animalzinho

Publicado por Maria Paula nas categorias: Gatos




Envie seu comentário:


Comentários (2)

  1. Katya Virginia de S. Ramos
    10/08/2013 at 23:30

    Boa Noite!…

    Eu tenho em casa uma gatinha que apresenta há mais de 1 ano, uma lesão numa das orelhas, que praticamente não existe mais. Eu já consultei vários veterinários, e nenhum deu a solução. A lesão só avança e já quase consumiu uma das orelhas. É uma lesão de aspecto ‘sangrento’, ‘inflamado’, que forma ‘crostas’ que vão se desprendendo e consumindo o tecido. É desesperador vê-la coçar até ferir, e gritar por causa dessa coceira, e nada poder fazer. Um dos veterinários falou que poderia ser cancer de pele, e sugeriu amputação da orelha, mas eu não permiti. Um outo, indicou um tratamento à base de cremes e comprimidos ‘ITL’ 25 mg, que ela toma continuamente, sem resultado. Eu li o artigo desse ‘site’ e achei o caso dela bem parecido c/ a tal ‘Demodicose Felina’, e se for isso, ainda há cura pra ela? Pelo amor de DEUS, dêem-me uma resposta, indicando-me um tratamento localizado, que não a faça sofrer ainda mais do que ela já sofre. Por favor, ajudem-me! Eu estou desesperada e aguardo uma resposta, uma luz, uma indicação!… Desde já, agradeço-lhes e aguardo! Atte. Katya Ramos

    • daniele
      05/09/2016 at 14:01

      Vc resolveu o problema do sua gatinha?
      Desculpe por estar falando sobre isso caso nao tenha solucionado o problema da gatinha so tive acesso ao seu email agora por estar pesquisando a respeito de tratar sarnas em gatos por que adotei um gatinho que tbm esta com sarna