Tudo sobre pets

Como Criar uma Cobra?

Dicas para criar uma cobra.

Artigo publicado por Maria Paula

Antes de falarmos sobre como criar uma cobra é importante lembrar que a legislação brasileira obriga a quem quiser tem um animal destes em casa solicitar uma autorização prévia ao IBAMA.

Após ter a autorização é necessário saber tudo o que puder sobre a espécie que está prestes a comprar para manter em sua casa, pois conhecer o animal é importante para saber qual a melhor temperatura, umidade e outros requisitos especiais como, por exemplo, alimentação são indicadas para ele.

Com a internet estas informações podem ser facilmente obtidas através de pesquisas simples, contudo se não tiver acesso a um computador conectado a “grande rede” é possível conseguir informações em livros nas bibliotecas públicas municipais.

piton

Salientamos que você deve ser cauteloso quanto as informações passadas pelas lojas de animais, visto que o interesse das mesmas pode ser simplesmente fazer com que se gaste dinheiro e não necessariamente com o bem estar da cobra, principalmente, pelo fato de que são poucos os funcionários destas lojas que tem real conhecimento sobre estas espécies de animais.

Gaiola

A construção de uma gaiola vai muito além do simples espaço em que ela ficará, pois é preciso levar em consideração a temperatura do ambiente que deve ser preferencialmente 25ºC – conforme dizemos anteriormente é muito importante conhecer o seu animal, pois existem espécies da Antártida que preferem o frio.

O piso da gaiola, assim como suas paredes devem ser lisos para não causar nenhum dano ao animal e, como as cobras são animais que gostam de se esconder é interessante comprar ou, até mesmo, fazer uma capa de plástico resistente para “ocultar a gaiola”.

Além disso, o proprietário não pode esquecer de deixar dentro da gaiola uma tigela grande de água, principalmente, quanto a cobra fêmea está prestes a lançar seus ovos.

Com relação ao espaço interno do habitáculo este não precisa necessariamente ser muito grande, porém é indispensável que a cobra possa se locomover com facilidade por dentro dele. Para ter uma ideia de tamanho, as cobras menores podem ser mantidas em um espaço de 10 metros, assim como existem à venda no mercado modelos de gaiolas prontas para répteis que, inclusive, possuem tampas de travamento. 

Alimentação

Com exceção das cobras que se alimentam de insetos e peixes, todas as demais precisam ser alimentadas com comidas mortas e, para isso, existem à venda no mercado especializado ratos e coelhos congelados que devem ser descongelados completamente (entre 2 e 4 horas para os ratos e 24 horas para os coelhos).

cobra

Após o descongelamento, a alimentação deve ser feita através de uma pinça ou outro material similar para levar o alimento até a boca da cobra. Indicamos o uso da pinça para evitar qualquer tipo de problema com os seus dedos.

Caso o alimento não seja levado diretamente a boca do animal o mesmo deve ser colocado dentro da gaiola, principalmente, durante à noite para que a cobra se alimente do mesmo. Aconselha-se o período da noite porque algumas espécies de cobras podem ser tímidas com relação a sua alimentação e, portanto, preferem comer sem nenhum tipo de perturbação.

Publicado por Maria Paula nas categorias: Outros Pets




Envie seu comentário: