Tudo sobre pets

Berne Em Cachorro

Moscas também transmitem parasitas para o seu cãozinho

Artigo publicado por Maria Paula

Constantemente, os cães são hospedeiros de muitos tipos de parasitas, que muitas vezes causam dor, inflamação e infecções. Esses tipos de parasitas se hospedam nos cães para poder se desenvolver,  já que eles se alimentam dos nutrientes do organismo do cachorro. Felizmente, parasitoses são fáceis de tratar, mas devem ser levadas em consideração, pois no caso da berne além da dor esse parasita pode lesionar órgãos importantes, dependendo da onde está instalado.

cão com berne

Sintomas

  • A Dermatobia hominis é a mosca que produz os ovos que causam a berne, porém como ela é uma mosca grande e pesada comparada as outras, ela se utiliza de um método muito curioso para garantir a perpetuação de seus ovos. O método é o seguinte, a Mosca berneira deposita seus ovos em outras moscas menores e que vistas comumente em nossas casa, essas moscas muitas vezes atraídas por fezes e ferimentos pousam no cachorro, os ovos da mosca se transformam em larvas e passam para pele do animal.
  • As larvas caminham sobre a pele do cão e fazem um buraco para se instalarem, elas penetram nesse buraco e se desenvolvem lá dentro. Este buraco não fecha, pois é por ele que entra oxigênio necessário para a larva sobreviver, e apesar do orifício ser pequenos externamente, ele só tende a crescer e aumentar internamente causando muita dor no animal , muitas vezes essa lesão é imperceptível  graças a pelagem dos cães, o que dificulta a identificação do parasita.
  • Um fator importante para a caracterização da berne é que no buraco onde crescem só se instala uma larva, porém o animal pode ter vários ferimentos com berne pelo corpo todo. Estes fatores também diferem a berne de miíase, pois na miíase várias larvas se instalam em um orifício. O único método de transmissão é via mosca, porque uma vez instalada no cachorro, a berne passa a maior parte de sua vida se alimentando do animal.

Como Tratar

O tratamento da dermatobiose visa a retirada da berne do corpo do animal, pois esse parasita vive em média 40 dias no corpo do cão. Após a retirada de berne pelo médico veterinário, será necessário a limpeza do local afetado, colocação de curativos e deixar o ambiente onde o animal vive o mais limpo possível para não atrair moscas. Muito importante também é a prevenção, pois apesar das moscas se reproduzirem mais no verão, ela aparecem o ano inteiro, então é necessário deixar o ambiente constantemente longe de moscas tanto limpando o ambiente, quanto utilizando produtos à base de citronela que afastam esses insetos.

Há também sprays cicatrizantes e repelentes, assim como medicamentos administrados via oral que afastam as moscas.

berne em cão

Como Tirar Berne

A berne deve ser retirada da pele no cão por um médico veterinário, pois além do parasita ser maior que o orifício externo, em toda superfície do corpo do berne há espinhos que ferem o cachorro e causam muito incômodo, por isso para cuidar de seu cãozinho com dermatobiose é necessário leva- ló em um profissional da área.

Artigo publicado por Maria Paula nas categorias: Cães





Envie seu comentário: